Logo CAA Original

Conteúdo disponibilizado pelo CAA/NM


Exceto quando indicado, o conteúdo desse website está licenciado sob a licença internacional
Creative Commons Versão 4.0 creative commons

Visite o nosso site: www.caa.org.br
Mais Gestão completa dois anos de atividades

Publicado em 23 de Setembro de 2015 às 10:17

Mais Gestão completa dois anos de atividades

Por Fabiano C. César 

O projeto Mais Gestão completa dois anos de atividades com um balanço positivo. Iniciado em setembro de 2013, o projeto surgiu com o intuito de habilitar cooperativas de Minas Gerais, nos seus mais diversos setores, desde o ambiental, o da regularização sanitária o de gestão e outros, para atenderem os pré-requisitos que os mercados exigem. Assim, entrando nos mercados institucionais e fazendo valer a legislação que garante a compra pela agricultura familiar.

O projeto iniciou com a realização de pré-diagnósticos, levantando informações quantitativas e balanço financeiro das cooperativas. Após essa primeira etapa buscaram compreender seis áreas funcionais das cooperativas, quais sejam: gestão ambiental, gestão de pessoas, comercialização e marketing, gestão industrial, gestão organizacional, finanças e custos. A compreensão dessas áreas gerou informações estratégicas para construir o Plano de Aprimoramento para as cooperativas. Ele aponta as prioridades de cada cooperativa, o que orienta os trabalhos do Mais Gestão.

Atualmente o projeto vem realizando visitas de orientação técnica para implantar o plano de aprimoramento. Todas as cooperativas estão recebendo visitas com atividades pontuais e discutindo regularização sanitária, obtenção dos registros no MAPA e IMA, construção de logomarcas para produtos, identidade visual, site, rótulos, desing e informações nutricionais.

O projeto realiza também rodadas de negócios, tanto na Zona da Mata quanto no Norte de Minas, no intuito de gerar sensibilização nos órgãos governamentais, para garantir a compra nas cooperativas, e mostrar a importância da agricultura familiar. Para Anildes Lopes, técnica do projeto, “o desafio e ter o comprador, identificar o que ele compra e ter do outro lado quem vende. Discutir o que eles compram. Falar da legislação e ver se tem abertura para negociar. Fazer o encontro de quem vende com quem compra”.


Postado por: Cibelih Hespanhol Torres
Editado por: Fabiano Cordeiro César